A realidade da segurança cibernética: 5 passos para lidar com ameaças cibernéticas

A realidade da segurança cibernética: 5 passos para lidar com ameaças cibernéticas

Our Thinking / Voice on Growth Economies /

A realidade da segurança cibernética: 5 passos para lidar com ameaças cibernéticas
Veja também:
Calendar08 Outubro 2018

Em um esforço para proporcionar maior segurança ao investidor e ao consumidor e, ao mesmo tempo, incrementar o padrão cibernético esperado para as organizações, está surgindo uma nova onda de regulamentos abrangentes. O Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (“RGPD”), implementado em 2018, impõe um vasto arsenal de obrigações em torno da divulgação de quebras de segurança. Comentaristas sugerem que o RGPD vai “mudar o mundo como o conhecemos” e, embora seja uma legislação da UE, outros importantes centros financeiros globais estão rapidamente adotando leis cibernéticas abrangentes semelhantes. Espera-se que as violações e a não conformidade com o RGPD resultem em bilhões de dólares em multas anualmente. Os governos, os reguladores, os órgãos de fiscalização, a mídia e os consumidores irão acompanhar de perto a reação dos executivos a incidentes cibernéticos divulgados recentemente, que, anteriormente, permaneciam ocultos. As instituições financeiras do GCC não deveriam esperar que os reguladores locais imponham exigências semelhantes.

Analise esses cinco passos para lidar com ameaças cibernéticas inevitáveis...

  Saber mais
Preencha o formulário abaixo para receber o relatório na sua caixa de entrada.
*Campo Obrigatório