Games

Our Thinking / Voice on Growth Economies /

Mercer Match - Gamificação e Contratação nos Mercados Emergentes
Veja também:
Calendar11 Maio 2017

Para as empresas da América Latina, como em muitas outras economias em crescimento, conseguir talentos qualificados é um desafio. As organizações estão descobrindo que os métodos tradicionais de recrutamento e seleção já não são suficientes, particularmente para alcançar a próxima geração de líderes: a Geração Y. Não seria mais fácil se houvesse um método automatizado de localizar a combinação perfeita - sem ter que obter a opinião de vários colegas diferentes com “leituras” diferentes sobre o candidato?

Na contratação tradicional, nos concentramos em currículos e entrevistas - e somos naturalmente atraídos por pessoas como nós. Apesar de nossas melhores intenções de sermos objetivos e nos concentrarmos nas qualificações dos candidatos, não conseguimos deixar de favorecer a pessoa com quem nos relacionamos - não necessariamente aquela que é melhor para o trabalho.

Principais Desafios de Recrutamento Enfrentados pelas Empresas Hoje

  1. Marca do Empregador e Recrutamento
    Os empregadores estão lutando para transmitir uma proposta de valor atraente ao empregado que os diferencie de seus concorrentes.
  2. Avaliando a Qualidade dos Candidatos
    Recrutadores e gestores de talentos não possuem um método rápido e eficaz de classificação através de currículos, para contratados técnicos e não técnicos.
  3. Mobilidade Interna
    Posições internas não são visíveis para os empregados atuais - o que significa que os empregados que procuram uma mudança provavelmente sairão da empresa mesmo quando houver posições abertas que os interessem.
  4. Expandindo o Pool de Talentos
    As empresas reconhecem a necessidade de preencher seus pipelines de talentos com candidatos qualificados e diversos.

Para você saber: O Talento que Você Está Procurando Tem Capacidade de Concentração Menor do que Um Peixe-Dourado

Todos nós sofremos de menor capacidade de concentração na Era da Internet. A questão é ainda mais acentuada entre a "Geração Z", a coorte demográfica que acompanha os Millennials (Geração Y) e se juntará à força de trabalho no futuro próximo. O peixe-dourado tem a capacidade de se concentrar por nove segundos. A atenção média humana caiu para oito segundos de acordo com o estudo Consumer Insights (Insights do Consumidor) de 2015 da Microsoft.[1]

A geração Z cresceu com jogos, do PlayStation ao Pokémon Go. É um meio no qual as gerações mais jovens estão confortáveis. Mas você sabia que os jogos podem fornecer aos empregadores os dados necessários para tomar as decisões de contratação corretas?

A maneira como as pessoas falam de si mesmas é diferente da maneira como realmente se comportam. Os jogos nos permitem coletar e medir dados comportamentais sem questionários longos. E são divertidos de jogar!

 

[1] Consumer Insights, Microsoft Canada. Attention spans, Spring 2015.


BAIXE O APLICATIVO

  SAIBA MAIS
Preencha o formulário para acessar o artigo completo.
*Campo Obrigatório