Arquitetura de Cargos e Remuneração na Era do Indivíduo – Como fazer?

Arquitetura de Cargos e Remuneração na Era do Indivíduo – Como fazer?

Our Thinking / Career /

Arquitetura de Cargos e Remuneração na Era do Indivíduo – Como fazer?
Arquitetura de Cargos e Remuneração na Era do Indivíduo – Como fazer?
Calendar26 Junho 2018

Na atual Era do Indivíduo, os funcionários nunca tiveram tantas escolhas de onde, quando e como trabalhar. Eles passaram a demandar uma nova proposta de valor capaz de proporcionar um suporte profissional ainda maior, incorporado à nova flexibilidade no trabalho e no desenvolvimento de suas habilidades.

A necessidade de maior agilidade para atrair, desenvolver e reter talentos nunca foi tão crítica. As tendências emergentes estão redefinindo a maneira de pensar sobre a força de trabalho do presente e do futuro, bem como sua contribuição para o desempenho da organização.

As tendências globais incluem o uso de diferentes perfis de mão de obra, um desejo crescente de flexibilização, personalização de recompensas e proposta de valor individualizada.

No universo corporativo, o “plano de cargos e salários” ainda é uma expressão muito presente no cotidiano dos profissionais que trabalham com Recursos Humanos. Numa abordagem mais moderna sobre esse tema, a “arquitetura de cargos e remuneração” alinha os imperativos organizacionais e as necessidades de gestão de talentos de forma eficiente e dinâmica.

Desenvolver e manter uma arquitetura de cargos consistente permite que as organizações rapidamente reflitam alterações na dinâmica dos negócios e seus impactos em posições, analisando e implementando programas de RH relevantes.

Saiba mais sobre esse assunto, acompanhando os próximos tópicos.

A Importância de uma Arquitetura de Cargos e Remuneração

Toda empresa precisa de funcionários qualificados e engajados para construir um negócio de sucesso.

Uma arquitetura de cargos e remuneração moderna e competitiva confere um suporte mais seguro para estruturar as trilhas de carreira dos funcionários, gerando maior visibilidade dos caminhos e oportunidades para o desenvolvimento de suas habilidades e competências.

Essa arquitetura também é essencial para as empresas mensurarem o valor que um cargo é capaz de criar dentro do seu contexto operacional.

Da mesma forma, a tomada de decisão gerencial é facilitada quando existem critérios claros, consistentes e confiáveis. Com esse alinhamento, as organizações têm uma base fundamentada para estruturar seus programas de RH.

Os impactos para as empresas são muito positivos, incluindo maior nível de satisfação dos funcionários, controle dos custos de pessoal, equidade interna e competitividade em relação ao mercado, gestão do pipeline de talentos, clareza em movimentações nacionais e internacionais e, ainda, aumento dos níveis de produtividade para o negócio.

Se você pretende estruturar ou revisar a arquitetura de cargos e remuneração na organização em que atua, precisa conferir algumas ações que consideramos essenciais para o sucesso desse trabalho.

Entender a Organização

Por mais importante e completa que a metodologia seja, sua implementação não precisa ser complexa.

Primeiramente faça uma leitura abrangente de sua estrutura organizacional — áreas, funções e cargos existentes. Uma avaliação cuidadosa pode ser decisiva para a elaboração de uma arquitetura eficiente.

Avaliar as Posições

A análise dos cargos oferece a possibilidade de uma organização fazer conexões essenciais das informações necessárias entre os objetivos da empresa e as decisões de Recursos Humanos.

A avaliação das responsabilidades de uma posição e a sua contribuição dentro do contexto organizacional fornece aos Gestores e ao RH um critério objetivo para a mensuração do cargo, suas possíveis trajetórias de carreira e a definição de elegibilidade aos programas de remuneração e benefícios.

Dessa forma, a empresa reconhece e valoriza diferenças no tamanho dos seus cargos, fornecendo uma visão clara baseada em responsabilidades e impacto no negócio.

Estruturar a Remuneração

Ao reestruturar ou desenhar o plano, é importante considerar a situação financeira atual da empresa. No entanto, também é preciso oferecer um pacote de remuneração total condizente com a importância do trabalho desenvolvido e com o desempenho dos profissionais, a fim de mantê-los motivados e produtivos.

Este processo requer dados de mercado sólidos, completos e confiáveis para o desenho dos programas de remuneração fixa, variável e benefícios, que devem refletir a estratégia de remuneração definida pela organização.

Adicionalmente, devem ser consideradas as necessidades de reajustes salariais com o passar do tempo, assim como a manutenção das avaliações de cargos, pois o dinamismo atual requer constantes revisões e, muitas vezes, a área de RH não consegue acompanhar estes movimentos na velocidade necessária.

Utilizar Tecnologia

É preciso lançar mão de processos e ferramentas inovadores para uma implementação de estrutura de cargos e remuneração eficiente. A metodologia Mercer IPE (International Position Evaluation) permite mensurar o valor que um cargo cria dentro do contexto dos negócios e da organização. O sistema proporciona aos gestores uma compreensão facilitada dos fatores e das dimensões dos cargos.

A metodologia Mercer IPE foi desenvolvida para ser utilizada em todos os tipos de ambientes organizacionais. É aplicável em ambientes de RH centralizados ou descentralizados.

O processo é suportado por uma ferramenta interativa via web, o e-IPE, constantemente atualizado para refletir as mudanças necessárias. O e-IPE possibilita aos profissionais de RH a manutenção do programa e conta com uma base de dados robusta e de fácil utilização que ajuda a agilizar a implantação.

Existem ainda outros fatores que devem ser considerados no momento de desenhar ou reestruturar uma arquitetura de cargos e remuneração em qualquer empresa. As ações que acabamos de citar são as que compõem os princípios básicos, aqueles que realmente precisam ser incluídos na sua estratégia.

Um último detalhe: mesmo após a implantação, avalie e monitore constantemente o programa, a fim de fazer as alterações que se mostrarem necessárias. Assim, você terá uma equipe motivada e comprometida com os resultados e o sucesso da organização!

Agora que você já sabe por onde começar, não deixe de seguir nossas páginas nas redes sociais para descobrir outras soluções sobre carreira, saúde, investimentos e previdência. Estamos no Facebook, no LinkedIn e no Twitter.

  Receba nossa newsletter
Cadastre-se para receber sempre os melhores conteúdos escritos por nossos especialistas. Não se preocupe, nós não enviamos Spam.
*Campo Obrigatório